[Entrevistando o Autor]: Rafael Lima 2#

4 de setembro de 2015

(Bate-Papo no Divã 2#)



14.  Como se tornou escritor?
 Quando a história brota dentro de você, é preciso plantá-la em algum lugar fértil. No papel ou na tela digital, o escritor consegue ver seu desenvolvimento de fora para dentro, e assim, alcançar um pouco de sossego ao terminar a poda de um texto quase maduro. A calma permanece até que os galhos de outras histórias começam crescer novamente. É assim que nos tornamos escritores.

15.  Quando descobriu que queria escrever?
De onde surgiu a ideia de um Livro? Descobri a escrita nas redações da escola, mas não prossegui. Por muito tempo, meus textos ficaram como daqueles adultos que ainda desenham bonecos de palitinho ao lado de casinhas de dez traços. Até o dia em que eu estava num encontro sobre assuntos fora do comum. Ali, sentado, ouvindo sobre a origem da música, a história começou a nascer na minha mente.

16.  O que o motivou? Teve o apoio de alguém especial?
Ah... um punhado de amigos legais.

17.  Qual sua percepção ao escrever? 
Escrever é natural, prazeroso e necessário.

18.  Quanto tempo demorou a escrever seu primeiro Livro?
Dois anos. Foi durante este processo que entendi quantas páginas fazia por dia e em quantos dias por semana podia escrever, tão somente nas horas livres. Escritores de mercado fazem ótimos livros em três meses. Se um dia puder me dedicar integralmente à literatura, chegarei a este prazo. Toda criatividade pode ser administrada pelo próprio artista – basta praticar.

19.  Tem algum ritual ou mania para escrever? Qual?
Um lugar silencioso, com internet e sem interrupções? Ah, que utopia maravilhosa!

20.  Em questão da publicação de seu primeiro livro: O que foi mais difícil desde a obra pronta até seu Lançamento?
A parte difícil ainda é encontrar uma editora séria que encare a impressão e distribuição. No Brasil, por enquanto, o formato impresso é dominante.
21.  Ainda hoje, encontra dificuldade em publicar seus livros?
No formato impresso, sim. Mas não encontro dificuldade em ser lido.

22.  Como você vê a parceria com blogs?
Vejo como um ótimo caminho entre novas histórias e novos leitores. Boas críticas podem ajudar escritores a se aperfeiçoarem, além de revelar ao público talentos encobertos.

23.  O que inspirou os personagens? São inspirados em pessoas reais?
Todo personagem é uma mistura do próprio escritor com outras referências. Gosto, por exemplo, de fazer pastas com imagens de cada personagem, características de temperamento, voz, lembranças, traumas e até de gestos particulares.

24.  O que inspirou os nomes?
O significado do nome sempre aponta alguma característica do personagem. Em “Antes do Princípio”, usei de maneira predominante a transliteração hebraica, mas também têm nomes de origem babilônica e de outras culturas.

25.  Das suas obras, qual seu personagem favorito? Por quê?
No livro “Antes do Princípio”, gosto do Banay porque ele mostra o quanto nós temos a oportunidade para fazer a melhor escolha. Também me agrada a postura conselheira de Ruash, de quem pretendo fazer uma história própria.

26.  O que mais lhe chama a atenção em suas obras?
O retorno dos leitores quando dizem que mudaram positivamente em alguma área da vida depois que conheceram as histórias. Isso não tem preço.

27.  O que acha dos escritores atuais? E os mais antigos?
Todos têm valores especiais, conforme o contexto das suas obras. Escritores são como fotógrafos descritivos de épocas e de formas de pensamento distintos.

28.  Qual livro recomendaria aos seus Leitores? Por quê?
A Bíblia Judaica Completa é bem interessante pelo seu contexto histórico, moral e espiritual.

29.  Um recado para os leitores?


Leia com a mente aberta, mas com o coração reservado: nele estão as fontes da vida.


Para mais informações ou seguir o autor é só clica nas imagens abaixo:




Capa do livro

 Fanpage





37 comentários:

  1. Oi Ludy! Gostei muito da entrevista com Rafael e achei muito instrutiva. Eu que estou começando, apesar de escrever desde os onze e como ele perceber meu gosto pela escrita nas redações, só agora tive coragem pra postar no wattpad, inicialmente. Já peguei várias dicas aqui na entrevista e vou aplica-la. Sucesso para o Rafael e para o blog! Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo retorno, Sabrina Oliveira! Fico feliz em ter sido útil para você. Quero ler seus textos!

      Excluir
  2. Olá; muito bacana a entrevista, gostei de conhecer um pouco mais sobre o autor. Tenho o e-book de "Antes do princípio", mas ainda não li.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Mari! Só posso lhe dizer uma coisa: leia. Você vai curtir cada detalhe da história. Abração!

      Excluir
  3. Oi, tudo bem?
    Que legal a entrevista com o Rafael, gostei de conhecer um pouco mais sobre ele!
    Acredito que a publicação do livro físico realmente é uma grande dificuldade ainda, já que a maioria das editoras maiores só apostam mais em livros estrangeiros...

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Maiara. Os editores procuram livros que tenha uma venda certeira, por isso eles apostam em títulos que já tenham cativado leitores. É natural. E é por isso também que os blogueiros são valorizados, afinal, são eles (ou melhor, vocês) os responsáveis pela formação de opinião do público consumidor. E claro, eu também quero conquistar o privilégio de ser lido por todos vocês!

      Excluir
  4. oie como vai?
    não conhecia o autor mas ele me pareceu tão simpático *-* e adorei a capa do livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Paac! Espero que você tenha recebido direitinho a cortesia que lhe enviei. Você não acreditaria que a capa ficaria tão legal se visse o rascunho que enviei para o designer Jader Mattos. Confira em http://www.antesdoprincipio.com/#!Quem-fez-a-capa-do-livro/clcy/552e659a0cf213f72452e770

      Excluir
  5. Muito legal a entrevista, o autor foi bem simpático e autêntico. não conhecia, mas já vou adicionar a minha lista de leituras :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que boa notícia, Lilian! Isso é música para os ouvidos de qualquer escritor. Obrigado!

      Excluir
  6. Oii tudo bom?

    Seu blog está lindo, amei o layout! Não conhecia o autor, mas amei as perguntas feitas e também as respostas dele, parece ser um amor de pessoa. Boa sorte para ele me seus livros e boa sorte pra ti no blog, que os dois tenham muito sucesso

    Beijokas

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Alice! Seu blog também está ótimo. O que é bom precisa ser compartilhado, inclusive a sorte. Por isso, boa sorte para todos nós. Abraço!

      Excluir
  7. Pelas palavras dele, percebe-se que ele é bem dedicado à escrita, isso é muito bacana de ver em um autor... ^^
    Realmente, escrever num lugar silencioso e sem a net é quase uma utopia hahahaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Maria Valéria. Que bom você dizer isso, porque trabalho para levar ao leitor uma história que o desprenda da realidade. Abraço!

      Excluir
  8. Oiiê
    adorie a entrevista, isso mostra o quanto os autores se importam com os seu leitores e parceiros, não conhecia o livro, mas vou dar uma olhadinha no skoob
    Bjks
    Passa Lá - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Veja sim, Manoel! Tenho certeza que irá gostar, e se quiser mando um ebook de cortesia para seu email. Abraço!

      Excluir
  9. Olá!
    Eu não conhecia o Rafael e sua obra, mas me parece um autor extremamente atencioso e caprichoso com seu trabalho. Adorei conhecê-lo, espero ter oportunidade de conhecer seu livro algum dia.

    Parabéns pela entrevista!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado! Quando quiser ler é só dizer que lhe mando um ebook de cortesia. Escritor precisa mais de leitores do que de histórias. Abraço!

      Excluir
  10. Olá, eu não conhecia o autor e nem a obra ainda, e nossa como fiquei curiosa! Adorei a entrevista, e o livro parece ter uma premissa ótima!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mate a curiosidade, Kétrin! Leia "Antes do Princípio". Posso mandar uma cortesia para você em PDF, EPUB ou MOBI. O que acha? Abração!

      Excluir
  11. Bem interessante a entrevista. Não conhecia o autor, e gostei muito das respostas dele. Simples e certeiras. Em especial a da questão 17. Por aí já dá pra perceber que é apaixonado por escrever, e faz querer conhecer a obra dele. Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Venha conhecer meu trabalho, Amanda! Tenho certeza que irá gostar. Posso mandar para você? Abraço!

      Excluir
  12. Adorei a entrevista! Não conhecia o autor, e fiquei curiosa para conferir sua obra.
    Nossa, dois anos para finalizar um livro? Parabéns para ele, não sei se eu teria paciência ou ainda lembraria de tudo. rs
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Dessa! Foi por necessidade, mesmo. Não dispunha de muito tempo para escrever, além de desconhecer o processo ideal por ser meu primeiro livro. Agora estou aplicando alguns princípios de Gerenciamento de Projetos e estou prevendo um tempo bem melhor de conclusão. Editoras nem sempre estão dispostas a esperar tanto tempo, não é mesmo? Abraço!

      Excluir
  13. Adorei a entrevista com o autor, adorei o método de escrita dele, parece ser muito simpático e atencioso com os leitores.
    A capa de Antes do Princípio é linda, e lendo a sinopse no site fiquei morrendo de vontade de ler ^^

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa, Sabrina... Mate essa vontade lendo a história em seu computador, tablet ou leitor digital. Basta dizer para qual e-mail posso mandar. Fácil! Olha, obrigado por elogiar a capa. Pensamos que a arte teria que contar uma história por ela mesma. Aguardo seu contato. Abraço!

      Excluir
  14. OIee, tudo bem!?
    Não conhecia o autor e gostei de muita coisa que ele disse! Meu livro vai para o terceiro ano até ser terminado, infelizmente não posso me dedicar inteiramente a escrita como o Rafael, mas um dia, quem sabe! Também espero alcançar a utopia de um lugar tranquilo com internet!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina, Lu... Ainda não me dedico inteiramente ao processo de escrita. Tenho que pagar as contas sendo administrador mesmo. Mas um dia, quem sabe? Mesmo assim, não posso deixar de escrever mesmo que seja por um breve momento do dia. No final, o que mais importa para o leitor é o resultado. Obrigado por comentar a entrevista. Abraço!

      Excluir
  15. Oi, tudo bem?
    Não conhecia o escritor e pelas respostas achei ele bem "enigmático", mas no bom sentido, claro, haha.
    Eu fiquei bem curioso sobre o seu livro, vou procurar umas resenhas e mais detalhes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ítalo! Meu irmão também tem o seu nome. Como lhe disse na primeira parte da entrevista, meu livro chama-se "Antes do Princípio" e você pode acessar a sinopse no site. Vai lá: antesdoprincipio.com

      Excluir
  16. Oiee!
    Adorei conhecer o autor, ainda não o conhecia.
    Imagino quão difícil deve ser p os autores publicar o livro físico a gente deve ta perdendo tanta história boa por ai né?
    Bom sucesso p autor, espero em breve ter a oportunidade de ler algo dele.
    Bjos
    Aline Praça
    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aline, não é fácil publicar uma história a ponto de uma editora se interessar imprimir e distribuir, mas o caminho de todo escritor iniciante é esse mesmo. Ah! Quando quiser ler meu livro, basta pedir que lhe envio uma cortesia para seu e-mail. Meu site é o antesdoprincipio.com . Abraço!

      Excluir
  17. Eu não conhecia o autor, mas eu gostei bastante da entrevista. Acho que quando você tem uma história pra contar, ela simplesmente flui dentro de você. Estou trabalhando no meu livro tem uns 3 anos, acho que ele tem um ritmo de escrita parecido com o meu, me deixou bem aliviada isso.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fique tranquila, Débora. O importante é não parar de escrever uma página de cada vez. De palavra em palavra, logo você terminará seu livro. No próximo, você estará mais experimentada. Vá em frente!

      Excluir
  18. Oi Tudo bem?
    Não conhecia o autor, mas gostei bastante das respostas dele.
    E a capa do livro é muito bonita.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Vanessa! Passa lá no site e confira a história (antesdoprincipio.com). Abraço!

      Excluir
  19. Olá, pessoal! Só passando para avisar que o ebook ANTES DO PRINCÍPIO está temporariamente disponível para downloads. Passa lá no site e baixe seu exemplar em PDF. Acesse www.antesdoprincipio.com

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.