[Resenha]: Memórias de um Reino – Cris Bernardes

3 de fevereiro de 2016

Olá, queridos leitores.
Hoje o post é uma resenha do livro Memórias de um Reino da Cris Bernardes.

Espero que gostem!



Título: Memórias de um Reino 
Autora: Cris Bernandes 
Editora: Perse 
Páginas: 175 

Edição: 1ª
Gênero:Fantasia


Sinopse 

Uma aventura de princesas, vinganças, romances, criaturas mágicas e muito mais. Quanto você conhece de sua própria história? Alicia também achou que soubesse muito bem o que havia acontecido em seu passado, e é realmente mais fácil acreditar no que os outros nos dizem. Mas e se você descobrisse que não é quem você pensa e que existe uma missão a sua espera? Embarque nessa aventura, ou simplesmente caia de cabeça assim como Alicia caiu. Do dia para noite sua vida pode mudar completamente e você pode descobrir que é muito mais do que imagina.


Este livro é incrivelmente maravilhoso! 






A história inicia-se no reino de Sólis com o rei Adrian que está com a idade bem avançada, então decidi que seu único filho Mirion casasse com Daphne para que seu filho possa exercer o papel de rei em seu lugar.  Daphne é uma bela mulher de outro reino e fica feliz, pois ela ansiava por isso, porém Mirion ainda é jovem e queria viver aventuras. Em um determinado dia ele está passeando por uma floresta e observa com curiosidade uma bela jovem chamada Jasmin. Ambos se encantam um com o outro, mas nem tudo são flores Daphne descobre o envolvimento dos jovens e prometo vingança. O rei morre. Recém-casados se tornam rei e rainha. Um tempo depois, nasce à filha do casal, Alicia.
Daphne está sedenta de vingança. Trocada as vésperas de seu casamento por uma camponesa. Como tinha poderes mágicos, iniciou uma guerra contra o reino de Sólis. Daphne leva o reino de Sólis a ruina, como único meio de salvar a sua filha, Jasmim pede para sua amiga fada fazer um feitiço e mandar Alicia para outro mundo, para que sobreviva e um dia voltar e salvar Sólis.
Mirion e Jasmin casam-se e tem uma linda filha, Alicia.
Daphne planeja ataca-los em seu reino e uma tragédia acontece e Alicia é levada para uma outra dimensão, a Terra. Aqui ela terá uma madrasta bem parecida com a Cinderela. Ela cresce mesmo assim vivaz e desconfia que esse não é seu lugar. Semanas depois ela acaba caindo dentro um buraco perto de uma árvore e volta para o rei de Sólis, porém o lugar já não é mais tão belo e sim sombrio, aterrorizante, mas com ajuda dos seres que vivem lá ela consegue reverter a situação e fazer aquele lugar, novamente um  lugar encantador.



  
Mirion um nobre cavalheiro, gentil, apaixonado e sagaz.
Jasmin meiga, doce, encantadora.
Daphne foi boa, gentil, porém é temível.
Alicia uma moça, jovem, trabalhadora, estudiosa, educada, gentil, obediente e sabe o que quer.

A narrativa é muito boa ela começa no reino de Sólis e depois amplia para outro reino e para terra. A escrita é sutil, porém achei a história curta. Poderia ter sido mais trabalhada e tem algumas coisas de outras histórias e não tem como não saber de onde ela tirou inspiração.



A capa é linda. A história é bem contada, mas senti falta de algumas continuações de parágrafos ou até mesmo dos capítulos. Pareceu-me que perto do final, ou melhor, em alguns capítulos próximos a acabar a escritora correu um pouco na história para dar um desfecho, porém a meu ver seria melhor, não reescrevê-lo mais fazer uma continuação, ou seja, um segundo livro. Recomendo o livro, pois é uma leitura rápida e de fácil entendimento.


Obs.: O livro é atraente e a leitura flui. Mas três coisas me incomodaram um pouco:
1) O livro é muito pequeno para uma história cheia de acontecimentos.
2) Pelo item acima, logo, não terá muitos detalhes, descrição de sentimentos, etc.
3) Em algumas partes do livro, parecia que tudo sempre dava certo.



Então, é isso, queridos. Espero que tenham gostado.






2 comentários:

  1. A capa desse livro me chamou a atenção logo de cara! Pensei que se tratava de uma saga, fiquei um pouco chateada em saber que ele não é tão denso como parece ser. Porém, ainda assim eu daria uma chance a ele. Parece ser um bom livro no final das contas :)
    Thaís na Cidade

    ResponderExcluir
  2. Não parece ser o meu tipo de leitura regular, mas passou a sensação de ser um livro fofo e gostoso de ler, além dessa capa toda gracinha né, rs

    Mago e Vidro

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.