[Resenha]: A Jovem Alessia - Louise Bennett

10 de março de 2016

Autor: Louise Bennett
Páginas: 380  
Ano:  2016
Editora: Forsaken
Gênero:Romance Histórico
Adicione: Skoob

Sinopse 
França, século XVIII. Alessia é uma jovem simples e inocente, que vive numa fazenda vinícola com o pai, um conde amargurado que não tem carinho pela filha. Convidada pela princesa Anna, Alessia vai passar uma temporada na corte do rei Henri, seu padrinho, e lá se apaixona pelo jovem capitão Marcus de Lanpré, principal oficial da guarda real e braço direito do rei. Sofrendo por um amor impossível, já que era nobre e Marcus, um plebeu, Alessia enfrentará muitos obstáculos. Há lutas de espadas, festas, bailes, guerras, intrigas e um final inesperado! A descoberta do amor e do sexo, a vida conjugal e o valor das amizades, em meio a conflitos pessoais e familiares, recheiam este romance. Embora os muitos diálogos utilizem as formas verbais da segunda pessoa para dar um toque de época, o livro é fácil de ler, apresentando uma narrativa rápida. O livro foi escrito com inspiração em antigos e consagrados romances juvenis da literatura internacional, tais como: “O Conde de Monte Cristo”, “Mulherzinhas”, “Ivanhoé”, etc., mas traz seguramente a marca da modernidade. As situações retratadas no livro não descrevem nenhum trecho da verdadeira história da França ou das famílias reais que lá viveram. No entanto, os detalhes históricos, principalmente sobre sucessão monárquica, sobre história dos costumes e outros de maior relevância, foram minuciosamente pesquisados com o intuito de dar veracidade à história.








A jovem Alessia é uma moça que não conhece muito além da fazenda onde vive com seu pai, que a despreza porque ele perdeu a esposa que tanto amava quando ela deu a luz a Alessia. Ela vive com atenção dos empregados e jamais de seu pai.
Um dia quando vai a cidade para comprar panos para fazer novos vestidos ela se encanta com um jovem e fiel escudeiro do rei Henri, Marcus. Só que ela não contava que ele também se encantaria com ela.
Depois de um tempo ela é convidada para o aniversário da princesa Anna e para passar um tempo lá. Ela é recepcionada por Marcus e ambos confessam seu amor. Contudo, o rei da ao jovem o título de Conde de Lanpré para que eles possam se casar, mas ainda não é tudo. A princesa esconde um segredo de todos até mesmo se Alessia que é considerada sua irmã e um misterioso personagem mudará o destino de Alessia.


Alessia é uma jovem/adolescente ingênua, solitária.
Marcus além de jovem é gentil, educado, inteligente.
Anna é agitada e considera Alessia como sua irmã.
Henri é seu padrinho e a trata como uma filha.

  
A narrativa é muito boa, me senti como se estivesse no século XVIII e a história me cativou muito. Fiquei presa e queria saber o que iria acontecer no capítulo seguinte.
Amo muito romance de época esse é um que me surpreendeu.
A escrita é de fácil entendimento e consegui ver e entender a perspectiva de cada um e a autora não parou no feliz para sempre. Ela continua e mostrou que depois do casamento como é a relação do casal e as dificuldades, problemas e afins.


A capa é muito fofa, que casal gracioso.
Os personagens são bons e agem de acordo, às vezes como o esperado.
A história é muito bem contada e gosto muito do livro. Que a autora continue escrevendo que mais livros assim.
Recomendo esse livro para todas, que são fãs ou gostam de um bom romance de época.











Então, é isso, queridos. Espero que tenham gostado.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.